Cantuquiriguaçu
 
Condetec
 
Municípios
Paraná - Todos os alimentos da merenda vão chegar diretamente às 2,5 mil nas escolas

A secretaria estadual da Educação vai entregar os alimentos da merenda escolar diretamente nas 2,5 mil escolas estaduais e conveniadas do Paraná, uma iniciativa inédita no Estado.


Antes, os alimentos saíam de um armazém central, chegavam a centros de distribuição e as prefeituras levavam os alimentos para as escolas. Em alguns casos, as próprias escolas precisavam buscar a merenda nesses locais de distribuição.

 

A partir de agora, as vão receber os alimentos diretamente da Secretaria da Educação e os alimentos serão entregues por empresas de transporte contratadas por meio de licitação.

 

A diretora de Infraestrutura e Logística da secretaria, Márcia Cristina Stolarski, explica que a entrega direta era uma reivindicação antiga das escolas e uma meta a ser alcançada pela secretaria. “Isso representa uma importante conquista e a melhoria no processo de logística da alimentação da rede estadual de ensino. Esse procedimento vai fazer com que os alimentos cheguem mais rápido e com mais qualidade às escolas. É também uma facilidade para as unidades”, afirmou Márcia Stolarski.

 

EVOLUÇÃO - A entrega ponto a ponto (diretamente nas escolas) já era feita em algumas cidades, mas agora foi estendida para os 399 municípios do Estado. Desde 2007, a logística para entrega dos alimentos está em evolução. Naquele ano, apenas as escolas de Curitiba e Londrina recebiam a merenda diretamente.

 

Em 2008 foram agregadas ao sistema ponto a ponto as escolas dos municípios de Apucarana, Cascavel, Toledo, Colombo e Piraquara, as duas últimas localizadas na Região Metropolitana de Curitiba. Em 2009, o número de cidades que recebiam a entrega diretamente nas escolas subiu para 27. Em 2012, o número aumentou para 44 cidades. Agora, a partir de outubro de 2013, todas as cidades do Paraná serão atendidas com gêneros alimentícios entregues diretamente nas escolas.

 

MELHORIAS - No Colégio Estadual Campos Sales, em Campina Grande do Sul, na Região Metropolitana de Curitiba, a entrega direta dos alimentos vai facilitar o trabalho da merendeira Ariadne Faria dos Santos Rodrigues. “Antes a gente não sabia onde o alimento ficava, nem quanto tempo estava lá. Também não havia um horário definido para a entrega. Uma vez chegaram a entregar perto das 17 horas. Se a entrega for feita de manhã bem cedo facilita para nós”, afirmou Ariadne.

 

“Agora com a entrega de carnes congeladas e de produtos da Agricultura Familiar está muito bom. Uma comida muito boa mesmo. A carne a vácuo e essa tilápia que entregam são muito gostosas”, disse a inspetora, que como todos os funcionários que trabalham nas escolas do Estado, faz a mesma refeição que os alunos.

 

AVANÇOS – Na foi apenas a entrega que evoluiu na área de logística da distribuição doa alimentos. O sistema informatizado de controle dos produtos também passou por uma grande modernização. Agora, é possível buscar informações sobre a merenda de todas as escolas do Estado no sistema informatizado da secretaria.

 

A entrega de outubro é a última remessa de merenda do ano de carga não perecível para as escolas. São 22 itens básicos de alimentação, como arroz, feijão e derivados de trigo entregues, que totalizam 3 mil toneladas de alimentos.

 

As remessas de carnes congeladas e da agricultura familiar, que já eram feitas de forma descentralizada, diretamente pelos fornecedores, continuam até o final do mês de novembro. As carnes congeladas e peixe são entregues a cada 15 dias e as cargas com alimentos perecíveis da agricultura familiar, como frutas e verduras, são entregues semanalmente, diretamente pelas associações de produtores e cooperativas.

 

INVESTIMENTOS - Em 2013, o Governo do Paraná reservou R$ 31 milhões para a compra de alimentos da agricultura familiar. Em 2010 esse valor era de R$ 3 milhões. Somente neste ano o investimento em alimentos somará R$ 90 milhões. Além disso, as escolas recebem também as remessas convencionais da merenda e novos equipamentos chegaram às cozinhas, como fogões, geladeiras e uniformes para as merendeiras. Essa soma de cuidados tem contribuído para melhorar a qualidade e a aceitação da alimentação escolar em todo Estado. (AEN)








Luiz Alcântara

Assessor de Imprensa da Cantu

Emails: luizalcantara9@gmail.com

 

 

www.cantuquiriguacu.com.br



Prefeitos da Cantu
Cantuquiriguaçu - Rua 7 de Setembro, 2160 - Laranjeiras do Sul, PR
Fone: (42) 3635 1854